COM O TEMPO UMA IMPRENSA CÍNICA, MERCENÁRIA, DEMAGÓGICA E CORRUPTA, FORMARÁ UM PÚBLICO TÃO VIL COMO ELA MESMO

Joseph Pulitzer

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Navio com 38 emigrantes ilegais encalhou ao largo da G-Bissau

Um navio que transportava 38 imigrantes ilegais, da Guiné, do Gana e da Serra Leoa, com bandeira da Namíbia, encalhou num banco de areia no arquipélago dos Bijagós, ao largo da Guiné-Bissau, informou a guarda costeira local.


Os passageiros do navio que tinha partido da Guiné-Conacri pediram ajuda a pescadores, que alertaram as autoridades, de acordo com o relato feito por uma testemunha à agência de notícias francesa (AFP).

"A Guarda Costeira foi socorrê-los. O navio foi rebocado para Bubaque, a principal cidade do arquipélago dos Bijagós, e os tripulantes foram interrogados, nomeadamente, para verificar a sua nacionalidade", disse a fonte não identificada.
A Guarda Costeira de Bissau, que confirmou o caso à AFP, escusou-se a prestar mais informações.

Os migrantes que deixam a África Ocidental muitas vezes seguem a costa e, em seguida, optam por rotas terrestres através do Níger e Líbia, com o objetivo de atravessar o Mediterrâneo para chegar à Europa.

O arquipélago dos Bijagós, ao largo da costa da Guiné-Bissau, é composto por mais de 80 ilhas de todos os tamanhos, mas apenas vinte são habitadas por uma população não superior a 20.000 pessoas.



Sem comentários:

Publicar um comentário