COM O TEMPO UMA IMPRENSA CÍNICA, MERCENÁRIA, DEMAGÓGICA E CORRUPTA, FORMARÁ UM PÚBLICO TÃO VIL COMO ELA MESMO

Joseph Pulitzer

sábado, 20 de fevereiro de 2016

Caju !!..

A crise política em curso na Guiné-Bissau corre o risco de comprometer a temporada de comercialização castanha de caju deste ano, disse o chefe da Associação Nacional de Agricultores Jaime Gomes quarta-feira.


A razão para este risco é "falta de fundos", porque, disse ele, "os potenciais compradores de castanha de caju têm medo de compra devido à incerteza política existente na Guiné-Bissau.

A castanha de caju é o principal produto de exportação da Guiné-Bissau e constitui um pilar económico para a maioria das famílias rurais.

Em 2015, a Guiné-Bissau exportou mais de 180.000 toneladas de castanha de caju.

Gomes condenou alguns empresários que estavam a comprar castanha de caju de agricultores a preços mais baixos.

Os empresários chineses e indianos são os principais compradores de castanha de caju no país, no entanto, de acordo com a Mama Saliu Lamba que dirige a nova Câmara de Comércio, eles não estão vindo para o país devido à insegurança prevalecente.

"Os empresários locais não têm fundos suficientes para comprar a castanha de caju, ainda por causa da crise política em curso", afirmou.
 
 
 

Sem comentários:

Publicar um comentário