COM O TEMPO UMA IMPRENSA CÍNICA, MERCENÁRIA, DEMAGÓGICA E CORRUPTA, FORMARÁ UM PÚBLICO TÃO VIL COMO ELA MESMO

Joseph Pulitzer

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Ex-Chefe adjunto da contra inteligência militar condenado a 10 anos de prisão

O Tribunal Militar Regional de Bissau condenou esta terça-feira, 16 de Fevereiro, o Coronel Abílio N’tib e o Tenente Marcos Lopes a dez e cinco anos de prisão, por terem sido considerados culpados pelo colectivo no assalto à mão armada a um estabelecimento comercial no Bairro Militar em Bissau em 2013, tendo roubado cerca de dois milhões de Cfa.


Os dois oficiais foram imputados de prática em autoria material, dos crimes de roubo e falsidade em ato processual, previstos no Código Penal. De acordo ainda com o acórdão de 13 páginas, o coronel e o tenente não colaboraram com a justiça militar e proferiram em juízo, falsas declarações.

No mesmo processo tinham sido constituídos arguidos o Capitão-tenente Domingos Iogna Sanhá, os Alferes Gabriel Tangatna, Carlos António Indami, Bedamoni Na Tchanda e o Sargento Mário Lourenço Infanda que foram absolvidos dos respectivos crimes.
 
 
(foto: rispito)

Sem comentários:

Publicar um comentário