COM O TEMPO UMA IMPRENSA CÍNICA, MERCENÁRIA, DEMAGÓGICA E CORRUPTA, FORMARÁ UM PÚBLICO TÃO VIL COMO ELA MESMO

Joseph Pulitzer

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Cabo Verde acolhe em fevereiro encontro de escritores lusófonos

O encontro, promovido pela União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa (UCCLA) em parceria com a câmara municipal da Praia, visa "contribuir para o diálogo e enriquecimento recíproco entre escritores dos diferentes continentes", adianta a organização em comunicado.


José Luís Peixoto (Portugal), Germano de Almeida (Cabo Verde) e Luandino Vieira (Angola) são alguns dos participantes da sexta edição do Encontro de Escritores de Língua Portuguesa, que decorre em fevereiro na capital cabo-verdiana.

No encontro participam escritores de todos os países de língua portuguesa e da região administrativa especial de Macau.

Na sexta edição do encontro, que decorre entre 1 e 3 de fevereiro, serão analisados os temas 'A Literatura e a Diáspora', 'A Literatura e a Insularidade' e a 'Poesia e a Música'.

Ana Paula Tavares, José Luís Mendonça e Luandino Vieira (Angola), João Paulo Cuenca (Brasil), Abraão Vicente, Germano Almeida e Vera Duarte (Cabo Verde), Odete Semedo (Guiné-Bissau), Ricardo Pinto e Yao Jing Ming (Macau), Luís Patraquim e Paulina Chiziane (Moçambique), João de Melo, José Carlos Vasconcelos, José Fanha, José Luís Peixoto, Miguel Real e Zeca Medeiros (Portugal), Goretti Pina (São Tomé e Príncipe) e Luís Cardoso (Timor-Leste) são presenças já confirmadas no encontro.

O programa do encontro, que contará com a presença do Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, inclui uma homenagem ao poeta cabo-verdiano Corsino Fortes, falecido no verão, pelo também escritor cabo-verdiano Germano de Almeida.

Será ainda apresentado o prémio Cabo-Verdiano de Literatura do BCA, em parceria com a Academia Cabo-verdiana de Letras e o Prémio Literário UCCLA 'Novos talentos, Novas Obras em Língua Portuguesa'.

No âmbito do encontro estão ainda previstas várias iniciativas paralelas, nomeadamente visitas à Cidade Velha e Tarrafal de Santiago, a inauguração da exposição 'Casa dos Estudantes do Império, 1944-1965. Farol da Liberdade' e a realização de uma feira do livro.

O Encontro de Escritores de Língua Portuguesa realiza-se este ano na Praia, depois de as quatro primeiras edições terem decorrido em Natal (Brasil) e a quinta em Luanda (Angola).
 
 
 
 

Sem comentários:

Publicar um comentário