COM O TEMPO UMA IMPRENSA CÍNICA, MERCENÁRIA, DEMAGÓGICA E CORRUPTA, FORMARÁ UM PÚBLICO TÃO VIL COMO ELA MESMO

Joseph Pulitzer

segunda-feira, 4 de abril de 2016

«Lutas pelo poder vão continuar»

Um investigador alemão considerou que a actual crise política na Guiné-Bissau deve manter-se, já que «as lutas pelo poder vão continuar», acrescentando que o Presidente guineense não tem contribuído para a estabilização da situação no país.


«O Presidente parece insatisfeito com o seu papel na política guineense porque ele tem um posto meramente representativo mas quis ter mais influência na política. O Presidente vai continuar a não contribuir para a estabilização da situação porque, no fundo, foi ele que iniciou toda esta crise», referiu Christoph Kohl, especialista em tópicos relativos à Guiné-Bissau.

Em declarações à agência Lusa, o investigador da Fundação alemã de Estudos da Paz e Mediação de Conflitos (Hessische Stiftung Friedens und Konfliktforschung) disse «ser muito difícil ver uma saída deste impasse», mas aplaudiu o contributo da diplomacia internacional para a estabilização da crise na Guiné-Bissau.
 
 
 

Sem comentários:

Publicar um comentário